Home OutrosTransporte 7 formas de evitar perdas na sua transportadora

7 formas de evitar perdas na sua transportadora

by Fabiana Lima
7 formas de evitar perdas na transportadora

Evitar perdas na transportadora é um dos principais desafios de um gestor logístico. O Brasil sofre anualmente com o roubo de cargas. Em 2019, o setor registrou mais de 18 mil ocorrências desse tipo, o que levou a prejuízos de R$ 1,4 bilhão. Os dados são da NTC&Logística (Associação Nacional do Transporte de Cargas e Logística).

As empresas investiram mais em tecnologias e medidas de segurança para proteger suas operações. Continuar investindo em tecnologia e estratégias são as formas mais eficientes de impedir que os roubos de carga aconteçam. Porém, para que o setor sofra uma redução considerável no número de crimes é preciso que todas as empresas estejam empenhadas. Veja a seguir quais medidas adotar para evitar perdas na transportadora.

Como evitar perdas na transportadora? Veja 7 estratégias para adotar em sua empresa

No Brasil, 2 roubos de carga são registrados por hora, de acordo com a NTC. Ao final do dia, a transportadora tem um prejuízo irrecuperável. Para evitar perdas na transportadora, algumas medidas devem ser tomadas. Confira quais adotar em sua empresa. 

Evite fazer o mesmo trajeto sempre

Empresas que já foram alvo de roubo de cargas, estão localizadas em áreas consideradas de risco ou fazem entregas em regiões mais arriscadas com frequência devem investir em uma roteirização diversificada. 

Um caminhão que faz sempre a mesma rota é mais vulnerável do que aquele que faz trajetos alternativos. As quadrilhas que aplicam golpes em transportadoras analisam seus trajetos e suas rotinas por um longo período até encontrar uma maneira de agir. 

Além de rotas alternadas, oriente os profissionais a adotar o rodízio de locais onde abastecem e descansam. Isso também ajuda a evitar a ação dos criminosos. 

Reduza o tempo da carga em repouso

Caminhões que fazem o transporte entre estados costumam fazer pausas de horas no trajeto. Isso acontece para que o motorista possa dormir ou descansar ao longo do percurso. Em geral, as pausas são feitas em postos de abastecimento, locais sem nenhuma segurança.  

Quando a carga não está em movimento, é mais fácil para que as ações criminosas aconteçam. Algumas alternativas, como a troca de caminhão ou o repouso em um ponto físico seguro, como um centro de distribuição, ajudam a diminuir o tempo que a carga é exposta. 

Opte pelo transporte diurno, sempre que for possível

A noite é o período mais propício para o roubo de cargas. A visibilidade é menor, o trânsito nas estradas é menos intenso e os motoristas estão cansados. Por isso, os criminosos costumam agir mais nesse horário. 

Sempre que possível, crie roteiros priorizando as viagens durante o dia. Além de diminuir os riscos para o transporte, os motoristas trabalham descansados e podem pousar em um local seguro.

Invista em tecnologias de geolocalização 

Ferramentas de geolocalização são importantes para que a empresa saiba exatamente onde cada veículo está. Dessa forma, a transportadora consegue prestar auxílio imediato aos motoristas com eventualidades no trajeto e acionar as autoridades em caso de ações criminosas. 

Esse tipo de tecnologia também entrega informações sobre a rota que os veículos vão fazer, mostrando se há trânsito ou congestionamento no local. Ter essa informação prévia é fundamental para a criação do roteiro de entregas. 

Os clientes também são beneficiados, pois a empresa pode disponibilizar as informações do roteiro de entregas para que cada um possa acompanhar onde está o seu pedido. 

Tenha um Programa de Gerenciamento de Riscos

O Programa de Gerenciamento de Riscos (PGR) é uma estratégia organizacional utilizada para monitorar, prevenir e reduzir os riscos relacionados às perdas nas transportadoras. 

No PGR, é feito um mapeamento dos riscos para a empresa. Com base nessas informações, a gestão consegue desenvolver ações para aperfeiçoar as medidas de segurança e organização internas. O ideal é contratar uma Gerenciadora de Risco para fazer todo o mapeamento e desenvolver estratégias direcionadas para cada negócio.

Ofereça treinamento para os colaboradores

A sua equipe tem um plano de ação a ser seguido em caso de roubo de cargas? O que os motoristas devem fazer ao serem abordados? Os caminhões contam com algum recurso de segurança e os motoristas sabem usar? 

Oferecer treinamento para os profissionais ajuda a prepará-los para lidar com situações de risco, como devem agir e quem deve ser informado assim que uma abordagem criminosa acontecer. 

Torne os processos de contratação mais seguros

Algumas quadrilhas agem com profissionais infiltrados ou aliciam motoristas que já estão dentro das empresas. Depois que os falsos funcionários são contratados e têm acesso a carga da empresa, o processo de furto se torna mais fácil.

Para evitar ser vítima desse tipo de ação, as empresas precisam endurecer seus processos de contratação. Levantar o máximo de informações sobre os candidatos e fazer validações em fontes confiáveis são processos fundamentais para evitar perdas na transportadora. 

Depois que o profissional é contratado, a empresa deve manter seu cadastro atualizado, para saber se ele se envolveu em algum processo judicial. 

A idwall conta com soluções que ajudam a evitar perdas nas transportadoras. Você valida as informações do candidato no cadastro, confirma que ele é mesmo quem diz ser, verifica se ele tem multas ou processos em seu nome etc. Veja como a idwall pode ajudar, preencha o formulário e entre em contato com nossos especialistas.  

Related Posts

Loading Facebook Comments ...